11 de junho de 2010

Estudo - A Criação


O Deus da Criação

1.  Deus, ser infinito, eterno, auto - existente e a Causa Primaria de tudo que existe.  
Antes que os montes nascessem, ou que tu formasses a terra e o mundo, sim, de eternidade a eternidade, tu és Deus. Sl. 90:2
Aquele que tem, ele só, a imortalidade, e habita na luz inacessível; a quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempre eterno. Amém. 1Tm 6:16
Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele. Cl 1:16

2. Deus se revela ser pessoal que criou Adão e Eva " a sua imagem ", para que com Ele pudessem se comunicar e também com Ele ter comunhão de modo amoroso e pessoal.

disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra.
E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. Gn 1:26-27

3.Deus também se revela um com um ser moral que criou tubo bom e, portanto, sem pecado.

E viu Deus tudo quanto tinha feito, e eis que era muito bom; e foi a tarde e a manhã, o dia sexto. 
Gn 1:31. Posto que Adão e Eva eram semelhança de Deus, eles também não tinham pecado ( ver Gn 1:26 ). O pecado entrou na existência humana quando Eva foi tentada pela serpente, ou Satánas.
Ora, a serpente era mais astuta que todas as alímarias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda a árvore do jardim? Gn 3:1


A Atividade da Criação

1. Deus criou tudo nos céus e na terra. ( ' criar ' hb ' bara ' )

No princípio criou Deus os céus e a terra. Gn 1:1
Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o SENHOR, o Criador dos fins da terra, nem se cansa nem se fatiga? É inescrutável o seu entendimento. Is 40:28
Assim diz Deus, o SENHOR, que criou os céus, e os estendeu, e espraiou a terra, e a tudo quanto produz; que dá a respiração ao povo que nela está, e o espírito aos que andam nela. Is 42:5

Porque assim diz o SENHOR que tem criado os céus, o Deus que formou a terra, e a fez; ele a confirmou, não a criou vazia, mas a formou para que fosse habitada: Eu sou o SENHOR e não há outro. Is 45:18
Porque naqueles dias haverá uma aflição tal, qual nunca houve desde o princípio da criação, que Deus criou, até agora, nem jamais haverá. Mc 13:19

E demonstrar a todos qual seja a dispensação do mistério, que desde os séculos esteve oculto em Deus, que tudo criou por meio de Jesus Cristo. Ef 3:9
Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele. Cl 1:16
A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo. Hb 1:2
E jurou por aquele que vive para todo o sempre, o qual criou o céu e o que nele há, e a terra e o que nela há, e o mar e o que nele há, que não haveria mais demora. Ap 10:6

2. Mundo vazio sem vida e coberto de trevas. O universo não tinha a forma ordenada que tem agora. O mundo estava vazio, sem nenhum ser vivente e destituído do mínimo vestígio de luz.

E fez Deus os dois grandes luminares: o luminar maior para governar o dia, e o luminar menor para governar a noite; e fez as estrelas. Gn 1:16
E disse Deus: Haja uma expansão no meio das águas, e haja separação entre águas e águas.
E fez Deus a expansão, e fez separação entre as águas que estavam debaixo da expansão e as águas que estavam sobre a expansão; e assim foi.
E chamou Deus à expansão Céus, e foi a tarde e a manhã, o dia segundo.
E disse Deus: Ajuntem-se as águas debaixo dos céus num lugar; e apareça a porção seca; e assim foi.
E chamou Deus à porção seca Terra; e ao ajuntamento das águas chamou Mares; e viu Deus que era bom.
E disse Deus: Produza a terra erva verde, erva que dê semente, árvore frutífera que dê fruto segundo a sua espécie, cuja semente está nela sobre a terra; e assim foi.
E a terra produziu erva, erva dando semente conforme a sua espécie, e a árvore frutífera, cuja semente está nela conforme a sua espécie; e viu Deus que era bom.
E foi a tarde e a manhã, o dia terceiro. Gn 1:6-13
 E disse Deus: Produzam as águas abundantemente répteis de alma vivente; e voem as aves sobre a face da expansão dos céus.
E Deus criou as grandes baleias, e todo o réptil de alma vivente que as águas abundantemente produziram conforme as suas espécies; e toda a ave de asas conforme a sua espécie; e viu Deus que era bom.
E Deus os abençoou, dizendo: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei as águas nos mares; e as aves se multipliquem na terra.
E foi a tarde e a manhã, o dia quinto.


E criou Deus o homem à sua imagem: à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra. Gn 1:20-28


3. O método que Deus usou na criação foi o poder da sua palavra. Repetidas vezes está declarado: " E disse DEUS..."

E disse Deus: Haja luz; e houve luz.
E disse Deus: Haja uma expansão no meio das águas, e haja separação entre águas e águas.
E disse Deus: Ajuntem-se as águas debaixo dos céus num lugar; e apareça a porção seca; e assim foi.
E disse Deus: Produza a terra erva verde, erva que dê semente, árvore frutífera que dê fruto segundo a sua espécie, cuja semente está nela sobre a terra; e assim foi.
E disse Deus: Haja luminares na expansão dos céus, para haver E disse Deus: Produzam as águas abundantemente répteis de alma vivente; e voem as aves sobre a face da expansão dos céus. separação entre o dia e a noite; e sejam eles para sinais e para tempos determinados e para dias e anos.
E disse Deus: Produza a terra alma vivente conforme E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra. a sua espécie; gado, e répteis e feras da terra conforme a sua espécie; e assim foi. Gn 1:2-6-9-11-14-20-24-26




Deus falou e os céus e a terra passaram a existir, antes da palavra criadora de Deus, eles não existiam.

Pela palavra do SENHOR foram feitos os céus, e todo o exército deles pelo espírito da sua boca.
Ele ajunta as águas do mar como num montão; põe os abismos em depósitos.
Tema toda a terra ao SENHOR; temam-no todos os moradores do mundo.
Porque falou, e foi feito; mandou, e logo apareceu.Sl 33:6-9

Louvem o nome do SENHOR, pois mandou, e logo foram criados. Sl 148:5
Também a minha mão fundou a terra, e a minha destra mediu os céus a palmos; eu os chamarei, e aparecerão juntos. Is 48:13
(Como está escrito: Por pai de muitas nações te constituí) perante aquele no qual creu, a saber, Deus, o qual vivifica os mortos, e chama as coisas que não são como se já fossem. Rm 4:17
Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente. Hb 11:3

4. Toda a Trindade,  e não apenas o Pai, desempenhou sua parte na criação.

a) O próprio Filho é a Palavra ( "Verbo" )

No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. 
Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez. Jo 1:1-3
A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo. Hb 1:2

b)Semelhantemente , o Espírito Santo desempenhou um papel ativo na obra da criação. Ele é descrito como "pairando" sobre a criação, preservando-a e preparando-a para as atividades criadoras adicionais de Deus, ( " Espírito " hb ruah )

Pela palavra do SENHOR foram feitos os céus, e todo o exército deles pelo espírito da sua boca. Sl 33:6
Envias o teu Espírito, e são criados, e assim renovas a face da terra. Sl 104:30
O Espírito de Deus me fez; e a inspiração do Todo-Poderoso me deu vida. 33:4

O Propósito e o Alvo da Criação

1. Deus criou o céus e a terra como manifestação da sua Glória, Majestade e Poder. Ao olharmos a totalidade do cosmos criado, desde a imensa expansão do universo, a beleza e a ordem da natureza, ficamos tomados de temor reverente ante a Majestade do Senhor Deus, nosso criador.

O SENHOR, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome em toda a terra, pois puseste a tua glória sobre os céus! Sl 8:1
Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos. Sl 33:6

2. Deus criou os céus e a terra para receber a glória e a honra que são devidas. Todos os elementos da natureza, exemplo o sol e a lua, as árvores, a chuva e a neve, os rios e córregos, as colinas e as montanhas, os animais e as aves, rendem louvores ao Deus que os criou.
Quanto mais Deus deseja e espera receber glória e louvor dos seres humanos !

Brame o mar e a sua plenitude; o mundo, e os que nele habitam.
Os rios batam as palmas; regozijem-se também as montanhas. Sl 98:7-8

Louvai ao SENHOR. Louvai ao SENHOR desde os céus, louvai-o nas alturas.
Louvai-o, todos os seus anjos; louvai-o, todos os seus exércitos.
Louvai-o, sol e lua; louvai-o, todas as estrelas luzentes.
Louvai-o, céus dos céus, e as águas que estão sobre os céus.
Louvem o nome do SENHOR, pois mandou, e logo foram criados.
E os confirmou eternamente para sempre, e lhes deu um decreto que não ultrapassarão.
Louvai ao SENHOR desde a terra: vós, baleias, e todos os abismos;
Fogo e saraiva, neve e vapores, e vento tempestuoso que executa a sua palavra;
Montes e todos os outeiros, árvores frutíferas e todos os cedros;
As feras e todos os gados, répteis e aves voadoras. Sl 148:1-10

Porque com alegria saireis, e em paz sereis guiados; os montes e os outeiros romperão em cântico diante de vós, e todas as árvores do campo baterão palmas. Is 55:12

3. Deus criou a terra para que seus propósitos e alvos para a humanidade fossem cumpridos.

a) Deus criou Adão e Eva, projetou como um ser trino e uno ( corpo, alma e espírito ) para espontâneamente adora-lo e servi-lo com fé, lealdade e gratidão.


b) Deus desejou tanto esse relacionamento que quando Satanás atentou Adão e Eva, Deus prometeu enviar um Salvador.

E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar. Gn 3:15E todos os do teu povo serão justos, para sempre herdarão a terra; serão renovos por mim plantados, obra das minhas mãos, para que eu seja glorificado. Is 60:21
O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos;
A apregoar o ano aceitável do SENHOR e o dia da vingança do nosso Deus; a consolar todos os tristes;
A ordenar acerca dos tristes de Sião que se lhes dê glória em vez de cinza, óleo de gozo em vez de tristeza, vestes de louvor em vez de espírito angustiado; a fim de que se chamem árvores de justiça, plantações do SENHOR, para que ele seja glorificado. Is 61:1-3

Nele, digo, em quem também fomos feitos herança, havendo sido predestinados, conforme o propósito daquele que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade;
Com o fim de sermos para louvor da sua glória, nós os que primeiro esperamos em Cristo. Ef 1:11-12

Vós, que em outro tempo não éreis povo, mas agora sois povo de Deus; que não tínheis alcançado misericórdia, mas agora alcançastes misericórdia. 1Pe 2:9

c) A culminação do propósito de DEUS na criação está em Apocalipse, onde João descreve o fim da história com estas palavras:


E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. Ap 21:3

Criação e Evolução

A evolução é o ponto de vista predominante, proposta pela comunidades cienfitica educacional do mundo atual, em se tratando da origem da vida e do universo. Quem crê de fato na Bíblia deve atentar para estas quatro observações a respeito da evolução.

1. A evolução é uma tentativa naturalista para explicar a origem e o desenvolvimento do universo. Tal intento começa com a pressuposição de que não existe nenhuma Criador pessoal e divino que criou e formou o mundo; pelo contrario , tudo veio a existir mediante uma seriede acontecimentos que decorreram por acaso, ao longo de bilhões de anos.

2. O ensino evolucionista não é realmente cientifico. Segundo o método cientifico, toda conclusão deve basear-se em evidências incontestáveis, oriundas de experiências que podem ser reproduzidas em qualquer laboratório. No entanto nenhuma experiência foi idealizada.

3. É inegável que alterações e melhoramentos ocorrem em várias espécies de seres viventes. Por exemplo: algumas variedades dentro de várias espécies estão se extinguindo; por outro lado, ocasionalmente vemos novas raças surgindo dentre algumas espécies.

4.Os crentes na Bíblia devem, também, rejeitar a teoria da chamada evolução teísta. Essa teoria aceita a maioria das conclusões da evolução naturalista; apenas acrescenta que DEUS deu início ao processo evolutivo. Essa teoria nega a revelação bíblica que atribui a DEUS um papel ativo na criação. Deus não é um supervisor indiferente, de um processo evolutivo; pelo contrário, é o Criador ativo de todas as coisas.

Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por Ele e para Ele. Cl 1:16

Espero que este estudo faça com que você aprenda um pouco mais e tenha mais fé em nosso Criador, por que Ele tudo pode e tudo faz. Amém !

9 de junho de 2010

A história de uma menina que morreu servindo ao Senhor.



Nestes últimos dias tenho pensado muito no desafio de se anunciar o evangelho de Cristo Jesus a todos quanto puder. Como afirmam as Sagradas Escrituras o mundo Jaz no maligno, e como cristãos resgatados pela graça do nosso Senhor, temos por missão prioritária proclamarmos o evangelho da salvação eterna.
Há pouco recebi um vídeo enviado pelo Pr. Paulo Brito o qual me deixou profundamente sensibilizado. Nele, uma menina de 13 anos compartilha a sua paixão por Cristo, bem como o seu desejo de servir ao Senhor enquanto se vive.

Caro leitor, confesso que ultimamente tenho ficado a pensar na brevidade da vida. Os anos passam com uma rapidez enorme, e sem que percebamos perdemos preciosas oportunidades de transformar a história de alguém. Na verdade, tenho a impressão que se tivéssemos a consciência do quanto nossa vida é efêmera e ligeira, talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que Deus nos dá a fim de abençoarmos os que nos cercam.

A Bíblia está cheia de textos que nos advertem a observarmos com diligência o nosso tempo. O salmista com muita propriedade escreve: “O homem é como pó, cuja existência na terra passa rapidamente diante de Deus. Os anos vêm e vão diante do Deus eterno... A vida do homem, em média de 70 a 80 anos, é breve. Tiago em sua epistola, nos alerta: "Vós não sabeis o que sucederá amanhã. Que é a vossa vida? Sois apenas como neblina que aparece por instantes e logo se dissipa".

Prezado amigo, tudo neste mundo é incerto e passageiro. A vida passa com uma rapidez enorme e numa velocidade espantosa. Por acaso você já parou para pensar que a vida que Deus nos deu é como que um sopro diante da eternidade? Ora, como diz o poeta: "vida louca, vida breve".

O Frei Antônio das Chagas, no Século XVII escreveu:
"Deus pede estrita conta do meu tempo
E eu vou, do meu tempo, dar-lhe conta.
Mas, como dar, sem tempo, tanta conta.
Eu, que gastei, sem conta, tanto tempo?
Para dar minha conta feita a tempo,
O tempo me foi dado, e não fiz conta;
Não quis, sobrando tempo, fazer conta.
Hoje, quero acertar conta, e não há tempo.
Oh, vós, que tendes tempo sem ter conta,
Não gasteis vosso tempo em passatempo.
Cuidai, enquanto é tempo, em vossa conta!
Pois, aqueles que, sem conta, gastam tempo,
Quando o tempo chegar, de prestar conta
Chorarão, como eu, o não ter tempo..."

Diante disto somos e fomos desafiados a aproveitar cada momento, entendendo que tempo perdido é tempo desperdiçado.

2 de junho de 2010

Deus se revela



"Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque Deus lho manifestou. Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis" Rm 1:19-20
Introdução

Deus colocou a eternidade no coração do homem. A idéia de Deus é um fato inescapável a todos, mesmo aqueles que negam sua existência pensam em Deus para poderem negá-lo. Isto acontece porque é impossível ao homem fugir da revelação de Deus que, num certo sentido, é universal.

O que queremos dizer por revelação? É a comunicação por parte de Deus aos homens de fatos que de outra forma ele não poderia conhecer. Revelar é retirar o véu para mostrar algo que estava encoberto, oculto. Quando se trata de fatos a respeito de Deus e de suas obras, revelação é a comunicação que Deus faz de si mesmo, da criação, de seu governo providencial e do destino dos seres morais (homens e anjos), coisas que o homem não pode descobrir apenas com a razão.

É comum a confusão entre revelação, inspiração e iluminação, por estarem relacionadas entre si. Contudo, em seus sentidos teológicos devemos manter a distinção entre elas. Já definimos revelação, como a comunicação divina de uma verdade. A inspiração é a operação sobrenatural pela qual Deus controla os homens no processo de registrar a revelação recebida. Por exemplo, quando Deus avisou José por sonho que Herodes queria matar o menino Jesus foi uma revelação, quando Lucas registrou o fato em seu Evangelho o fez por inspiração. Iluminação, por sua vez, é a operação do Espírito Santo sobre os que lêem a Palavra de Deus, ajudando-os na compreensão. Mais poderia ser dito sobre as relações entre revelação, inspiração e iluminação, mas para os propósitos deste artigo é o bastante.

Soberania de Deus na revelação

Precisamos reconhecer que a revelação é um ato livre de Deus. Se quisesse, Deus poderia deixar a humanidade às cegas acerca de sua existência, de seu poder e de suas obras. Eles jamais poderiam alcançar, por si mesmos, um conhecimento verdadeiro a respeito dEle. Mas aprouve a Deus mostrar-se às suas criaturas.

Ao escolher revelar-se, contudo, Deus não abriu mão de sua soberania e não dá a todos o mesmo tipo e grau de conhecimento acerta dEle. Jesus disse "graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultaste estas coisas aos sábios e instruídos e as revelaste aos pequeninos. Sim, ó Pai, porque assim foi do teu agrado" (Mt 11:25-26). Embora afirmemos que ninguém há no mundo que não tenha algum tipo de revelação de Deus, não podemos afirmar que Ele se revela pelos mesmos meios e de igual forma a todos.

Além disso, ainda que a revelação seja suficiente para nossa vida na terra e morada no céu, não é exaustiva, mas limitada por Deus. "As coisas encobertas pertencem ao Senhor, nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem, a nós e a nossos filhos, para sempre" (Dt 29:29). Até mesmo esta limitação que Deus impõe em sua revelação denota sua bondade para conosco, pois não poderíamos suportar tanto conhecimento: "Tenho ainda muito que vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora" (Jo 16:12). Creio que nem em toda eternidade conheceremos Deus completamente, posto que é infinito.

Revelação geral e especial

A revelação que Deus dá a todos os homens sem excessão é chamada de revelação comum ou geral. Esta é a revelação de Deus através da natureza (Criação) e da História (Providência), por exemplo.

"Os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras das suas mãos. Um dia discursa a outro dia, e uma noite revela conhecimento a outra noite. Não há linguagem, nem há palavras, e deles não se ouve nenhum som; no entanto, por toda a terra se faz ouvir a sua voz, e as suas palavras, até aos confins do mundo. Aí, pôs uma tenda para o sol, o qual, como noivo que sai dos seus aposentos, se regozija como herói, a percorrer o seu caminho. Principia numa extremidade dos céus, e até à outra vai o seu percurso; e nada refoge ao seu calor" (Sl 19:1-6). É a mesma revelação referida por Paulo quando escreveu que "os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas" (Rm 1:19).

Em que pese o fato dessa revelação ser universal, ela é insuficiente para a salvação. Nada diz a respeito da morte de Jesus em nosso favor ou da justificação pela graça mediante a fé. Contudo, ela é suficiente para tornar os homens indesculpáveis perante Deus, como diz o texto: "tais homens são, por isso, indesculpáveis" (Rm 1:20).

Para que o homem seja "sábio para a salvação pela fé em Cristo Jesus" (2Tm 3:15) é necessário uma revelação que vá além da revelação natural, chamada de especial. Esta revelação nos foi dada na pessoa de Jesus Cristo e encontra-se registrada na Bíblia Sagrada.

"Havendo Deus, outrora, falado, muitas vezes e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, nestes últimos dias, nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, pelo qual também fez o universo. Ele, que é o resplendor da glória e a expressão exata do seu Ser, sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, depois de ter feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade, nas alturas" (Hb 1:1-3).

Jesus é a revelação tão perfeita de Deus que podia dizer "quem me vê a mim vê o Pai" (Jo 14:9). E esta revelação de Jesus Cristo encontra-se registrada na Bíblia Sagrada, por isso o Senhor disse "examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna, e são elas mesmas que testificam de mim" (Jo 5:39). Tudo o que precisamos saber para nossa vida na terra e para nos preparar para a vida no céu, encontra-se registrada na Escritura que "é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra" (2Tm 3:16-17).

Nossa atitude diante da revelação

A primeira atitude diante da revelação de Deus é aceitá-la. Paulo afirma que "a ira de Deus se revela do céu contra toda impiedade e perversão dos homens que detêm a verdade pela injustiça" (Rm 1:18). Porém, como a revelação de Deus na Escritura revela a nossa impiedade e perversão, nossa reação natural é suprimir essa verdade. Daí a necessidade da graça de Deus, pois "o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque lhe são loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente" (1Co 2:14). Sob a operação da graça de Deus chegamos à fé e mediante esta somos justificados.

Tendo recebido a revelação como vinda de Deus, devemos ser gratos a Deus por se mostrar a nós. Lembremos que Jesus referiu-se à revelação de Deus com expressão de gratidão, dizendo "graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultaste estas coisas aos sábios e instruídos e as revelaste aos pequeninos" (Mt 11:25). Com nos era totalmente impossível descobrir Deus sem que se revelasse a nós, devemos agradecer sempre por tê-lo feito. Do contrário, passaríamos a vida inteira tateando no escuro.

Finalmente, devemos adorar a Deus. O grande erro denunciado em Romanos é que os homens "tendo conhecimento de Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças" (Rm 1:21). Contemplar a glória de Deus revelada na natureza e nas Escrituras sempre deve nos levar a adoração. Paulo exulta dizendo "Ó profundidade da riqueza, tanto da sabedoria como do conhecimento de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis, os seus caminhos! Quem, pois, conheceu a mente do Senhor? Ou quem foi o seu conselheiro? Ou quem primeiro deu a ele para que lhe venha a ser restituído? Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amém!" (Rm 11:33-36).

Conclusão

Como acabamos de ver todo homem recebe porção do conhecimento de Deus, suficiente para torná-lo inescusável. No juízo final, os homens serão julgados pelas suas obras, de acordo com a luz que receberam. Ninguém poderá alegar que foi injustiçado ou alegar desconhecer as bases de seu julgamento, pois a sua consciência será testemunha contra si. Entretanto, vimos também que a revelação de Deus como salvador veio através de Jesus Cristo, de quem a Bíblia é testemunha. Crendo nEle você não apenas escapa do juízo, mas é levado com segurança ao céu, podendo contemplar Aquele de quem temos apenas réstias de Sua glória.

Leia a Bíblia, creia em Cristo e viva!

Blogagem cristã responsável: a glória de Deus


Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus.1Co 10:31

Se manter um blog cristão não chega a ser um ministério, tampouco deveria ser mero passatempo. Também não deve ser um fim em si mesmo, deve sim atender a um objetivo que seja nobre a ponto de ser perseguido, e vericado se está sendo alcançado. E nenhum objetivo poderia ser maior do que este: buscar a glória de Deus.
Nas palavras de Paulo, "outra coisa qualquer" inclui"manter um blog", apesar de ser uma coisa moderna. Em se tratando de um blog que se proponha divulgar o evangelho, a glória de Deus não deve ser mais um objetivo, mas o principal e ao qual todos os outros devem estar subordinados. Se Deus não for glorificado pelo que escrevemos ou publicamos, é vão e pecaminoso tudo o mais.
Mas como isso se daria na prática? A começar com o título do blog, que deve honrar a Deus e não o homem. Alguns títulos de blogs chamam atenção para as qualidades de seu editor, e não para a verdade do evangelho ou para as perfeições de Deus. Não significa, de maneira alguma, que um blog com o nome do seu autor seja errado. Há excelentes blogs com nomes pessoais (vide meus "Blogs Amigos"), que quando acessamos, logo nos esquecemos do autor, pois a verdade expressa nos remete para Deus e Seu Cristo. Mas alguns nomes de blog, infelizmente, dão a clara impressão de que o autor é o último e o principal dos 13 apóstolos.
Mas o que realmente caracteriza um blog que glorifica a Deus é o conteúdo de suas mensagens. Se o que a Bíblia diz sobrepõe-se ao que o blogueiro pensa, se o evangelho é proclamado mais que o erro criticado, se a salvação é dita como exclusivamente em Cristo, pela graça mediante a fé no Deus vivo e verdadeiro e a obediência cristã é requerida por gratidão e amor e não por medo, então Deus é glorificado pelo tal. Por outro lado, se o autor do blog ocupa-se em destacar qualidades humanas - algumas fantasiosas - e a salvação é apresentada como dependendo de forma determinante de algo presente no ou realizado pelo homem e se a segurança dessa salvação está no crente que pode cair e não em Deus que o segura ou levanta, então no mínimo a glória do Senhor é obscurecida.
Finalmente, a glória do Senhor em um blog transparece no que se espera com ele. Se o que se pretende é apenas popularidade (grande número de visitas) ou tirar alguma vantagem financeira, não se pode dizer que a glória de Deus está em primeiro lugar. Por outro lado, um blog que "espanta" visitantes pela verdade que diz, e continua a dizer a mesma verdade, está glorificando ao Senhor.
Este post não é para criticar os blogs nos quais a glória de Deus não é priorizada. O que me inspirou foram blogs nem tão famosos, nem tão bem visitados ou comentados, mas que não mudam para agradar, não pensam em entreter para reter, mas seguem firmes proclamando o evangelho da glória de Deus. Na verdade, invejo admiro tais blogs e glorifico a Deus pelos seus editores, procurando copiar seu exemplo.

19 de maio de 2010

Conheça a Catedral Mundial dos Orixás


É isso mesmo meus irmãos, a mais nova Catedral de Lucifer se não acredita veja com teus proprios olhos e comprove que este mundo precisa cada dia mais de você, não seja mais um sentado no banco da sua igreja, faça a diferença porque muitos precisam de sua ajuda. A chamada principal do site é essa: "Faz e desfaz qualquer tipo de trabalho espiritual, vudu, magia negra, feitiço, encantamento e amarração. Limpeza espiritual, empresarial, residencial e fechamento de corpo. Trabalhos com sigilo e garantias." Pra quem não acredita, link ta ai http://www.yle-axe.com.br/base.html
Bom, sem mais, gostaria de saber dos amados em que essa propaganda se diferencia da propaganda da IURD? Até o nome da igreja do centro é o mesmo "catedral mundial". Ah antes de terminar esse post relâmpago preciso destacar a única diferença entre a catedral dos orixás e a catedral dos encostos. Lá nos orixás é sigiloso!

18 de maio de 2010

Deus ainda fala com as pessoas


Um Jovem foi para o estudo da Bíblia numa noite de Quarta-feira. O pastor dividiu entre ouvir a Deus e obedecer a palavra do Senhor. O jovem não pode deixar de querer saber se "Deus ainda fala com as
pessoas?".

Após a pregação ele saiu para um lanche com os amigos e eles discutiram a mensagem. De formas diversas eles falaram como Deus tinha conduzido suas vidas de maneiras diferentes.
Era aproximadamente 10 horas quando o jovem começou a dirigir-se para casa.

Sentado no seu carro, ele começou a pedir " Deus! Se ainda falas com as pessoas, fale comigo. Eu irei ouvi-lo. Farei tudo para obedecê-lo" .

Enquanto dirigia pela rua principal da cidade, ele teve um pensamento muito estranho: "Pare e compre um galão de leite". Ele balançou a cabeça e falou alto "Deus é o Senhor? ". Ele não obteve resposta e continuou dirigindo-se para casa. Porém, novamente, surgiu o pensamento "compre um galão de leite".

O jovem pensou em Samuel e em como ele não reconheceu a voz de Deus, e como Samuel correu para Ele. "Muito bem, Deus! No caso de ser o Senhor, eu comprarei o leite".

Isso não parece ser um teste de obediência muito difícil. Ele ainda poderia também usar o leite. O jovem parou, comprou o leite e reiniciou o caminho de casa.

Quando ele passava pela sétima rua, novamente ele sentiu um pedido "Vire naquela rua". Isso é loucura, pensou e, passou direto pelo retorno.

Novamente ele sentiu que deveria ter virado na sétima rua. No retorno seguinte, ele virou e dirigiu-se pela sétima rua.
Meio brincalhão, ele falou alto "Muito bem, Deus. Eu farei".
Ele passou por algumas quadras quando de repente sentiu que devia parar.

Ele brecou e olhou em volta. Era uma área misto de comércio e residência.
Não era a melhor área, mas também não era a pior da vizinhança. Os estabelecimentos estavam fechados e a maioria das casas estavam escuras, como se as pessoas já tivessem ido dormir, exceto uma do outro lado que estava acesa.

Novamente, ele sentiu algo, "Vá e dê o leite para as pessoas que estão naquela casa do outro lado da rua". O jovem olhou a casa. Ele começou a abrir a porta, mas voltou a sentar-se. "Senhor, isso é loucura."

Como posso ir para uma casa estranha no meio da noite?". Mais uma vez, ele sentiu que deveria ir e dar o leite.

Finalmente, ele abriu a porta, "Muito Bem, Deus, se é o Senhor, eu irei e entregarei o leite àquelas pessoas. Se o Senhor quer que eu pareça uma pessoa louca, muito bem. Eu quero ser obediente. Acho que isso vai contar para alguma coisa, contudo, se eles não responderem imediatamente, eu vou embora daqui".

Ele atravessou a rua e tocou a campainha. Ele pôde ouvir uma barulho vindo de dentro, parecido com o choro de uma criança.

A voz de um homem soou alto: "Quem está aí? O que você quer?". A porta abriu-se antes que o jovem pudesse fugir. Em pé, estava um homem vestido de jeans e camiseta. Ele tinha um olhar estranho e não parecia feliz em ver um desconhecido em pé na sua soleira. "O que é? ".

O jovem entregou-lhe o galão de leite. "Comprei isto para vocês". O homem pegou o leite e correu para dentro falando alto.

Depois, uma mulher passou pelo corredor carregando o leite e foi para a cozinha. O homem seguia-a segurando no braços uma criança que chorava.

Lágrimas corriam pela face do homem e, ele começou a falar, meio soluçando "Nós oramos. Tínhamos muitas contas para pagar este mês e o nosso dinheiro havia acabado. Não tínhamos mais leite para o nosso bebê.
Apenas orei e pedi a Deus que me mostrasse uma maneira de conseguir leite".

Sua esposa gritou lá da cozinha: "Pedi a Deus para mandar um anjo com um pouco... Você é um anjo?
O jovem pegou a sua carteira e tirou todo dinheiro que havia nela e colocou-o na mão do homem.

Ele voltou-se e foi para o carro, enquanto as lágrimas corriam pela sua face.

Apenas deixe Deus falar com tigo, escute atentamente as voz de Deus e verá milagres acontecer.
Que Deus possa fazer de ti um vaso de honra, é o que eu desejo em nome de Jesus.

Continue Sonhando


Pegadas na areia


Uma noite eu tive um sonho:
Sonhei que estava andando na praia com o Senhor, e através do céu, passavam cenas da minha vida. Para cada cena que se passava, percebi que eram deixados dois pares de pegadas na areia; Um era meu e o outro era do Senhor. Quando a última cena da minha vida passou diante de nós, olhei para trás, para as pegadas na areia, e notei que muitas vezes, no caminho da vida, havia apenas um par de pegadas na areia.
Notei também que isto aconteceu nos momentos mais difíceis e angustiosos do meu viver. Isso aborreceu-me.

Então perguntei ao Senhor:
- Senhor, Tu me disseste que, uma vez que resolvesse Te seguir, Tu andarias sempre comigo, em todo o meu caminho, mas notei que durante as maiores tribulações do meu viver, havia apenas um par de pegadas na areia. Não compreendo porque nas horas em que mais necessitava de Ti, Tu me deixastes...

O Senhor respondeu:
- Meu precioso filho, Eu Te Amo, e jamais te deixaria nas horas de tua prova e de teu sofrimento. Quando vistes na areia apenas um par de pegadas, foi exatamente aí, que eu te carreguei nos braços.

Deus age da maneira certa


Certa vez, um homem pediu a Deus uma flor e uma borboleta. Mas Deus lhe deu um cacto e uma lagarta. O homem ficou triste pois não entendeu o porquê do seu pedido vir errado. Daí pensou: Também, com tanta gente para atender, e resolveu não questionar. Passado algum tempo, o homem foi verificar o pedido que deixou esquecido. Para sua surpresa, do espinhoso e feio cacto havia nascido a mais bela das flores e a horrível lagarta transformara-se em uma belíssima borboleta. Deus sempre age certo. O seu caminho é o melhor, mesmo que aos nossos olhos pareça estar dando tudo errado. Se você pediu a Deus uma coisa e recebeu outra, confie. Tenha a certeza de que Ele sempre dá o que você precisa, no momento certo. Nem sempre o que você deseja, é o que você precisa. Como Ele nunca erra na entrega de seus pedidos, siga em frente sem murmurar ou duvidar. O espinho de hoje, será a flor de amanhã !

16 de maio de 2010

Silas Malafaia sai da CGADB


Isso mesmo, às 03: 30 da manhã de: 15/05/10, Silas anunciou sua saída da CGADB. Ele "explicou" como a CGADB funciona, enrolou, avisou que irão surgir muitas fofocas, e deixou bem claro que está saindo por causa de uma "visão" dada por Deus, que não irá revelar agora, e que estando na CGADB não poderia seguir. A tal "visão" é segundo ele, tremenda, de conquista e de grande impacto, e que não vai demorar para sabermos e entendermos que é coisa de Deus. Malafaia também confirmou que mudou o nome da Assembléia de Deus da Penha, para AD Vitória em Cristo, e que o fez apenas para tirar o nome de bairro, e que a tal "visão" é algo extraordinário e que era necessária esta mudança. Falou também que não aceitará nenhum pastor que venha de divisões, pois não está dividindo, e deu um aviso: "Quem está usando o nome Vitória em Cristo vai tratando de retirar, pois ele já o patenteou há muito tempo, e não vai permitir, enquadrando na lei os teimosos"






14 de maio de 2010




Há um lugar de descanso em ti
Há um lugar de refrigério em ti
Há um lugar onde a verdade reina, esse lugar é no Senhor

Há um lugar onde as pessoas não me influenciam
Há um lugar onde eu ouço teu Espírito
Há um lugar de vitória em meio à guerra, esse lugar é no Senhor

Esse lugar é no Senhor

Há um lugar onde a inconstância não me domina
Há um lugar onde minha fé é fortalecida
Há um lugar onde a paz é quem governa, esse lugar é no Senhor

Há um lugar onde os sonhos não se abortam
Há um lugar onde o temor não me enrijece
Há um lugar que quando se perde é que se ganha, esse lugar é no Senhor

Jesus!
És tudo o que eu preciso, Jesus!
De ti preciso!

Heloisa Rosa prepara o novo álbum


A cantora Heloisa Rosa já está trabalhando em seu novo CD, com lançamento previsto para até o final deste ano. “As novas canções já estão na fase de pré-produção, e, se o Senhor permitir, se tudo ocorrer conforme temos planejado, o álbum será lançado ainda em 2010″, conta Heloísa.

Este, que será o quarto CD solo de Heloisa Rosa, trará uma nova mensagem, tratando de outros temas. “Lentamente, as novas músicas vão tomando forma, e a temática predominante nas letras será diferente do mais recente trabalho, ‘Estante da Vida”, no qual são abordadas questões relativas à identidade dos cristãos, enquanto filhos e servos de Deus”, observa Heloisa, afirmando:

“Quando descobrimos quem somos Nele, damos um passo fundamental em busca da maturidade espiritual”.

O novo CD trará também sonoridades novas, resultantes das mudanças na formação da equipe, que agora é composta por William Douglas na guitarra, Clésio Isac na batera, e Fernando Souza no baixo. “Chegou o tempo das mudanças, e eu gostaria de deixar claro que a saída dos músicos Filipe Marcelo Raicoski, (baixo) e Felipe Dick Friesen (guitarra) foi tranquila, normal”, conta Heloisa, que ressalta: “não há nenhuma mágoa entre nós. Nossa aliança em Deus e nossas amizades continuam intactas”.

Ainda não há gravadora definida, apenas estudos e algumas propostas. Ao contrário do que se especulou na internet, nada há previsto quanto à gravação de um DVD.

Fonte: Assessoria de Comunicação Heloisa Rosa

Cristãos, juristas e ONGs gays divergem sobre união civil gay na Câmara dos Deputados


Um debate bastante polarizado dominou o clima da audiência pública sobre o Estatuto das Famílias na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) nesta quarta-feira. O Estatuto engloba diversos projetos de lei (PL 674/07 e 2285/07, entre outros) e, em alguns deles, existe a regulamentação da união entre pessoas do mesmo sexo e da adoção feita por esses casais.

Críticos e defensores da união civil de homossexuais colocaram seus argumentos diante do plenário lotado, onde evangélicos contrários à união de pessoas do mesmo sexo estavam em maioria.

Para tentar chegar a um acordo, o presidente da CCJ e relator do Estatuto das Famílias, deputado Eliseu Padilha (PMDB-RS), disse que diante de tantas diferenças e dúvidas, vai tentar encontrar um meio termo.

Para o presidente da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais, Toni Reis, não se trata de casamento, mas sim de garantir direitos civis. “Envolve essa questão da herança, de planos de saúde, de adoção. Nós queremos nem menos nem mais, queremos direitos iguais. Nós não queremos é o casamento, nesse momento não é a nossa pretensão. O que nós queremos são os direitos civis”, diz Toni.

Toni Reis citou declarações das organizações das Nações Unidas (ONU) e dos Estados Americanos (OEA) para defender o direito ao reconhecimento da união civil e da adoção entre pessoas do mesmo sexo. Ele destacou que o Governo Lula também apoia a reivindicação e mencionou o programa Brasil sem Homofobia, coordenado pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República. “O Brasil é um Estado laico e queremos o que a Constituição preconiza, direitos civis”, argumentou.

O pastor da Assembleia de Deus Silas Malafaia afirmou que conceder os diretos civis é a porta para depois aprovarem o casamento. Ele defendeu que a família é o homem, a mulher e a prole, sendo que a própria Constituição defende esse desenho familiar. Malafaia trouxe o debate para o contexto político das eleições presidenciais.

“Eu ouvi os homossexuais fazerem aqui pronunciamentos dizendo que o presidente os indicou para a ONU, que o presidente os apoia totalmente, então nós evangélicos, que representamos 25% da população, temos que pensar muito bem em quem vamos votar para presidente da República”, avisou.

Malafaia questionou se outros comportamentos poderiam, futuramente, virar lei. “Então vamos liberar relações com cachorro, vamos liberar com cadáveres, isso também não é um comportamento?” O pastor foi muito aplaudido durante sua exposição.

Na mesma linha crítica, o pastor da Igreja Assembleia de Deus Abner Ferreira afirmou que o Estatuto das Famílias seria, na verdade, o Estatuto da Desconstrução da Família. Segundo ele, ao admitir a união de pessoas do mesmo sexo, a proposta pretende destruir o padrão da família natural, em vez de protegê-la. Ele disse que todas as outras formas de família são incompletas e que toda manobra contrária à família natural deve ser rejeitada.

Fonte: Câmara dos Deputados

Mais uma

Na tarde desta quinta-feira (13), S. F. M. 41 anos, protestar para que o adolescente deixe de ter o comportamento atual de descaso e julgamento para com a família que passou a ter após ingressar na igreja.

S. argumenta que o filho vem sofrendo influências de pastores e, inclusive, tem deixado de ir à escola devido à sua devoção exacerbada. “Só saio daqui quando fizerem justiça”, diz.

Populares acionaram o 1º Batalhão da Polícia Militar, porém acabaram sendo dispensados pastor que responde pela igreja, que alegou não haver necessidade da presença da polícia na igreja. A imprensa procurou a administração da instituição, mas ninguém quis se pronunciar.

Conforme S., o filho está na igreja há dois anos e meio. Desde então, passou a até vender as roupas para doar o dinheiro à igreja.

O rapaz é líder de um grupo jovem da instituição. S. tem outros dois filhos. Todos moram juntos numa casa no centro, mas o filho estuda em um bairro na região do Lagoa, segundo ela. Ele teria começado a se comportar de forma fanática há cerca de 2 anos e meio, quando entrou para a igreja. Nesse período, o jovem teria vendido eletrodomésticos, roupas e calçados para poder pagar os votos que a instituição estaria pedindo.

S. conta que é ex-pensionista do pai que era militar. Por enquanto, está desempregada.

Conforme ela mesma, em um momento “de desespero” em 18 de novembro, ela interrompeu um culto noturno na igreja para saber o que realmente estava acontecendo com o seu filho. Fez isso porque procurou diversos pastores e eles não a atendiam, afirma. Admitiu que errou e, foi levada à Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac). Meses depois, segundo ela, após ter o carro roubado e ir procurar a Delegacia para formular boletim de ocorrências, descobriu que estava fichada na Polícia.

Aparelho para medir possessão

S. afirma que o filho pode estar usando em outros jovens usariam um aparelho denominado psicoscópio, que serviria para medição do grau de possessão em alguma pessoa. Ela conta que ouviu falar disso e que o filho, por ser um dos líderes do grupo de jovens, poderia ter acesso ao aparelho. O equipamento teria sido dado pela igreja. “Depois que e conversei com outras pessoas, fiquei sabendo que a igreja estaria usando um aparelho chamado psicoscópio. E que esse aparelho era dado para cada líder da Força Jovem. O meu filho é líder da Força Jovem. Esse aparelho mostra se a pessoa está ou não possuída” disse S.

Além do aparelho, S. diz que o filho está usando um óleo ungido pela igreja e passando nas partes íntimas. O motivo, segundo ela, seria para deixar de ter desejos carnais. “Para mim, isso é óleo de cozinha, mas, meu filho está usando. Se funciona ou não funciona, não sei, mas, meu filho está usando.”

Aparentemente, ela demonstra estar bem de saúde. Ela também não aparenta ter problemas mentais.

Ela permanece esperando o filho, que, segundo ela, deve ir à igreja no fim da tarde.

Fonte: Capital News

13 de maio de 2010

SERÁ QUE DEUS É CULPADO ?




Finalmente a verdade é dita na TV Americana.
A filha de Billy Graham estava sendo entrevistada no Early Show e Jane Clayson perguntou a ela:
'Como é que Deus teria permitido algo horroroso assim acontecer no dia 11 de setembro?'
Anne Graham deu uma resposta profunda e sábia:
'Eu creio que Deus ficou profundamente triste com o que aconteceu, tanto quanto nós.
Por muitos anos temos dito para Deus não interferir em nossas escolhas, sair do nosso governo e sair de nossas vidas.

Sendo um cavalheiro como Deus é, eu creio que Ele calmamente nos deixou.
Como poderemos esperar que Deus nos dê a sua benção e a sua proteção se nós exigimos que Ele não se envolva mais conosco?'

À vista de tantos acontecimentos recentes; ataque dos terroristas, tiroteio nas escolas, etc...
Eu creio que tudo começou desde que Madeline Murray O'hare (que foi assassinada), se queixou de que era impróprio se fazer oração nas escolas Americanas como se fazia tradicionalmente, e nós concordamos com a sua opinião.
Depois disso, alguém disse que seria melhor também não ler mais a Bíblia nas escolas...
A Bíblia que nos ensina que não devemos matar, roubar e devemos amar o nosso próximo como a nós mesmos. E nós concordamos com esse alguém.
Logo depois o Dr.. Benjamin Spock disse que não deveríamos bater em nossos filhos quando eles se comportassem mal, porque suas personalidades em formação ficariam distorcidas e poderíamos prejudicar sua auto estima (o filho dele se suicidou) e nós dissemos:
'Um perito nesse assunto deve saber o que está falando'.
E então concordamos com ele.
Depois alguém disse que os professores e diretores das escolas não deveriam disciplinar nossos filhos quando se comportassem mal.
Então foi decidido que nenhum professor poderia tocar nos alunos...(há diferença entre disciplinar e tocar).
Aí, alguém sugeriu que deveríamos deixar que nossas filhas fizessem aborto, se elas assim o quisessem.
E nós aceitamos sem ao menos questionar.
Então foi dito que deveríamos dar aos nossos filhos tantas camisinhas, quantas eles quisessem para que eles pudessem se divertir à vontade.
E nós dissemos: 'Está bem!'
Então alguém sugeriu que imprimíssemos revistas com fotografias de mulheres nuas, e disséssemos que isto é uma coisa sadia e uma apreciação natural do corpo feminino.
Depois uma outra pessoa levou isso um passo mais adiante e publicou fotos de Crianças nuas e foi mais além ainda, colocando-as à disposição da internet.
E nós dissemos:

'Está bem, isto é democracia, e eles tem o direito de ter liberdade de se expressar e fazer isso'.
Agora nós estamos nos perguntando porque nossos filhos não têm consciência e porque não sabem distinguir o bem e o mal, o certo e o errado;
porque não lhes incomoda matar pessoas estranhas ou seus próprios colegas de classe ou a si próprios...
Provavelmente, se nós analisarmos seriamente, iremos facilmente compreender:
nós colhemos só aquilo que semeamos!!!
Uma menina escreveu um bilhetinho para Deus:
'Senhor, porque não salvaste aquela criança na escola?'
A resposta dele:
'Querida criança, não me deixam entrar nas escolas!!!'

É triste como as pessoas simplesmente culpam a Deus e não entendem porque o mundo está indo a passos largos para o inferno.
É triste como cremos em tudo que os Jornais e a TV dizem, mas duvidamos do que a Bíblia, ou do que a sua religião, que você diz que segue ensina.
É triste como alguém diz:
'Eu creio em Deus'.
Mas ainda assim segue a satanás, que, por sinal,também 'Crê' em Deus.
É engraçado como somos rápidos para julgar mas não queremos ser julgados!
Como podemos enviar centenas de piadas pelo e-mail, e elas se espalham como fogo, mas, quando tentamos enviar algum e-mail falando de Deus, as pessoas têm medo de compartilhar e reenviá-los a outros!
É triste ver como o material imoral, obsceno e vulgar corre livremente na internet, mas uma discussão pública a respeito de Deus é suprimida rapidamente na escola e no trabalho.
É triste ver como as pessoas ficam inflamadas a respeito de Cristo no sábado, mas depois se transformam em cristãos invisíveis pelo resto da semana.

MercyMe - I Can Only Imagine



Eu só posso imaginar

Eu só posso imaginar como será
Quando eu andar ao seu lado
Eu só posso imaginar o que meus olhos verão
Quando sua face estiver diante de mim
Eu só posso imaginar

Envolvido por sua glória
O que meu coração sentirá?
Eu dançarei pra você Jesus?
Ou em respeito a você ficarei quieto?
Ficarei de pé em sua presença?
Ou cairei de joelhos?
Eu cantarei aleluia?
Eu serei capaz de falar em tudo?
Eu só posso imaginar
Eu só posso imaginar

Eu só posso imaginar quando este dia chegar
E eu me encontrar diante do filho
Eu só posso imaginar quando tudo que farei
É pra sempre, pra sempre te adorar
Eu só posso imaginar
Eu só posso imaginar

Eu só posso imaginar
Quando tudo que farei
É pra sempre, pra sempre te adorar
Eu só posso imaginar

Os demônios do tempo


Esperar com paciência, que frase complicada.

“Tempo de chorar, e tempo de rir; tempo de prantear, e tempo de dançar” (Eclesiastes 3:4).

O homem mais sábio de todos alertou sobre o tempo.

“Disse-lhes, pois, Jesus: Ainda não é chegado o meu tempo, mas o vosso tempo sempre está pronto” (João 7:6).

Até Jesus sabia (e respeitava) tempo.

Muitos dizem que o tempo é o bem mais precioso do homem e outros dizem que o tempo voa. Ora, o tempo não é o bem mais precioso. Todos têm o tempo da mesma maneira e forma. 24 horas, dia e noite, sol e lua, etc. O tempo também no voa, longe disso.

Tempo é algo que você tem, mas só o percebe quando lhe faz falta. Falta de tempo, falta de alguém, falta de amigos, etc. O tempo é notado na falta dele e nunca em sua abundância.

Missionária, aonde você quer chegar?

Deus e satanás são sedentos por nós. Céu e inferno, bem e mal, felicidade e infelicidade, amor e ódio, humildade e orgulho, etc. Todos nós sabemos da história.

Todos os homens bíblicos que foram abençoados passaram pelo deserto, o tempo.

Todo milagre (benção) passa pelo teste da fé, o tempo.

Para chegar ao casamento foi preciso passar pelo namoro e noivado, o tempo.

Deus sabe a importância do tempo e deixa que o homem o administre. Quem fala que não tem tempo para isso ou aquilo é hipócrita, uma vez o próprio indivíduo, que fala, é o responsável por seu tempo.

Deus sabe disso.

O diabo sabe disso.

Um milagre “tardio” não desanimou Abraão porque ele sabia que aconteceria. Ele creu contra a esperança. O milagre não entristece ninguém e o casamento, a meu ver, é um dos mais belos atos que o homem pode fazer. Porém, tudo isso leva...

TEMPO

É ai que o diabo entra.

O desânimo, medo, frustração, incredulidade e até blasfêmia passam muitas vezes pelo tempo. O tempo que o diabo sabiamente usa para nos desanimar.

Exatamente.

Queridos, nossa fé não pode ser arranhada pelo tempo. O tempo que desanima é o mesmo que machuca e entristece. Você que lê este aconselhamento certamente já passou por isso.

Como vencer?

Não há uma receita ou fórmula mágica para vencermos porque o tempo varia. O que para mim pode ser demorado, para você pode ser rápido.

Quanto ao tempo, bem como qualquer situação, só há uma saída, ou melhor, um conselho:

“Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus” (Hebreus 12:2)

Não olhe para o tempo, distância, decepções e adversidades. Olhe para Jesus.

Ele venceu a morte e o tempo. O tempo que foi caluniado, traído e o caminho da cruz nada foram para Ele. Ele sabia aonde chegaria e o que de fato importaria, valeria à pena.

Você valeu à pena. Sua vida e a vida de sua família valeram sua vida.

Lembre-se que o tempo é você quem faz.

Jesus fez seu tempo. Sabia a hora de fazer o milagre, de se esconder, de fugir, de mostrar-se forte, mostrar-se fraco e até o tempo de falar.

Oram, se Ele é o mesmo ontem, hoje, e sempre será. Ele não mudou. Assim como em seu ministério, Ele também sabe o tempo certo de agir na sua vida, o seu milagre.

Creia nisso e expulse os demônios do tempo da sua vida.


Jesus voltará? Parece que não ?


No primeiro capítulo, do primeiro livro da nova aliança, encontramos o seguinte versículo.
"E dará à luz um filho e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados." (Mateus 1:21).
Vinte e seis livros a frente encontramos outro versículo que merece nossa atenção.
"E ouvi uma grande voz no céu, que dizia: Agora é chegada a salvação, e a força, e o reino do nosso Deus, e o poder do seu Cristo; porque já o acusador de nossos irmãos é derrubado, o qual diante do nosso Deus os acusava de dia e de noite." (Apocalipse 12:10)
Na minha Bíblia, e talvez na sua também, a ênfase dada ao Cristo é uma: SALVADOR. Ele veio salvar os cativos, perdoar a humanidade, segunda adão, preparar-nos para um novo reino, levar-nos aos céus, etc. Isso acontecerá com a sua vinda, volta ou o Grande Dia, como queiram. Agora, force sua mente e siga meu pensamento.
Se Jesus de fato voltará, e eu creio nisso mais do que o ar que eu respiro ou na tela que vejo a minha frente, por que o crente vive como se não tivesse um céu, um arrebatamento ou até mesmo Deus?
Tudo aponta para a vinda do Cristo e a igreja age como se nada acontecesse. Por quê? Eu vou responder.
O “crente” hoje está mais preocupado com a sua conta do que com as almas que ganha para Cristo. Aliás, um certo alguém disse: ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam. Não sou contra o crente ser próspero. Foi o homem mais sábio que disse: Não há nada melhor para o homem do que comer e beber, e fazer com que sua alma goze do bem do seu trabalho. Também vi que isto vem da mão de Deus.

Você vive em santidade?

"Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor"
(Hebreus 12:14)


Você mente?

"Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira."
(João 8 : 44)

Você ama as coisas deste mundo? Prostituição, sexo ilícito, falsidade, espírito vingativo, inveja, vaidade, orgulho, etc?

"Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo." (I João 2:16)

Se você respondeu positivamente a duas perguntas, certamente você não está preparado para a volta do Cristo. Pode até crer que Ele voltará, mas O trata com desprezo. Não sou eu quem fala, mas a Bíblia. Daí o motivo de muitos chamados, poucos escolhidos; muitas criaturas, poucos filhos.
Se você é fiel ao seu cônjuge, você crê no casamento.
Se você acorda cedo e vai trabalhar, você crê que receberá seu salário.
Se você crê na sua igreja, você é membro.
Se você torce por um time, você acredita e vibra com Ele.
Os exemplos acima são simples. Toda crença implica em atitude. Creio, logo ajo; creio, logo vivo; creio, logo faço algo que me leva a viver a minha crença.
Jesus voltará, você crendo ou não, Ele voltará. Eu creio, eu vivo.
Você crê? Não parece...

Pense nisso!

12 de maio de 2010

O Chamado !


A nossa geração tem sido impactada por uma concepção de “chamamento especifico” que por muitas das vezes ficamos confundidos com a definição bem como com a práxis deste chamado. Ouvir, escutar, entender e seguir uma direção, são passos imprescindíveis para não se perder e nem perder cada oportunidade de fazer a diferença na nossa existência.

“Chamei-te quando ainda era uma substância sem forma no ventre da tua mãe” Salmo 139:16. O Senhor chama a quem quer! Ele escolhe do ventre, para um propósito específico.

O chamado de Deus arde, queima no coração. É algo que o ser humano não consegue entender, mas é algo que impulsiona a ser audacioso nas coisas do Reino, a fazer aquilo que ninguém ousaria fazer, a sonhar grandemente, mesmo sem ter estrutura, sem ter condições humanas ou financeiras para realizar tal sonho. Sabe por quê? Porque Aquele que te faz sonhar é grande o suficiente para realizar mais do que se possa imaginar. Ele sempre nos surpreende, e nos faz afirmar com freqüência que Ele sempre pensa à nossa frente.

Quando temos um chamado agimos diferente. Não conseguindo ficar inertes no banco da igreja, temos que dar glória a Deus no meio da pregação, temos que pular de alegria na presença do Senhor, temos que descer ao pó e dizer: Santo, santo, santo é o Senhor e mesmo assim não encontramos maneira para Engrandecê-lo, para Adorá-lo, tudo o que fazemos é pouco. Por exemplo, quando acaba um momento de muita unção, muita presença de Deus num culto abençoado ou uma vigília, vem um vazio, uma saudade é como se algo estivesse faltando e sentimos a necessidade de buscar mais, mais do Senhor.

O chamado do Pai é sempre grande e valoroso, seja para ser um grande pregador, usado em curas, milagres e prodígios, seja para limpar, fechar ou abrir a igreja .... È o teu chamado! Foi o que o Todo Poderoso separou para a sua vida, isso é honra! Deus tem as Suas escolhas a Sua forma de trabalhar. Cada um tem o seu chamado, individual e específico, ninguém pode ocupar o teu lugar. Aquilo que Deus separou para você é seu. (Jeremias 1:18,19).

Potestades, Principados, líderes autoritários e tiranos, pessoas que cercam a sua vida e te perseguem com criticas e palavras que desmotivam que roubam a fé... Nada disso pode deter o teu chamado, porque em Cristo és mais que vencedor (Romanos 8:37). A responsabilidade de Deus é te chamar, capacitar, enviar e respaldar. A sua, é ouvir, escutar, entender e seguir a direção. Mas entenda uma coisa de muitíssima importância: a única pessoa capaz de parar o seu chamado é você mesmo.

Somos um ser tricotômico. Possuímos espírito, alma e corpo. Quando nos deixamos ser dominados por sentimentos “almáticos” como: Lutas, derrotas, decepções e fracassos somos paralisados, porque a nossa alma é carregada de informações do passado e muitas vezes reagimos negativamente, refletindo a emoção anterior no comportamento de hoje obscurecendo o fato de que em Cristo somos RECRIADOS.

Quem tem um chamado necessita andar pelo Espírito, o nosso espírito precisa de alimento, quando recebemos Jesus como Senhor e Salvador somos como um bebê. O espírito do ser humano é como um recém nascido que precisa ser alimentado da Palavra para crescer, fortalecer, avançar, conquistar e dominar a alma que é a sede das emoções e frustrações capaz de paralisarem o chamado.

A fonte para o crescimento espiritual é a Palavra. A oração, consagração, separação, busca pela unção e a sensibilidade a voz de Deus são instrumentos de combustão para alavancar a sua vida ministerial – seu Chamado.

Ouça... Entenda... Domine a sua alma. Siga o seu chamado!